Entrevista com Craban!

For english version, click here!

Em outubro do ano passado, nós do Portal Tibia fizemos uma entrevista exclusiva com o gerente de produto do Tibia, Craban. Nela falamos um pouco sobre ele próprio, os problemas atuais do Tibia, PvP, balanceamento de vocações e muito mais, confira!

Portal Tibia: Hauopa, Florian! Você acabou de chegar de uma viagem ao Brasil e foi o primeiro (acho) membro da CipSoft a estar em nosso país. Como foi a experiência?

Craban: Definitivamente, foi uma viagem que valeu a pena. Um país lindo, as pessoas são muito agradáveis. A viagem em si foi bem estressante, 8 aviões em 8 dias, mas vi muita coisa, aprendi muito e tive algumas reuniões e visitas específicas muito úteis. Posso concluir que trouxe do Brasil várias experiências pessoais e também um pouco de inspiração que acredito que, no futuro, a comunidade tibiana brasileira irá se beneficiar.

Portal Tibia: Você pode nos contar sobre seus hobbies, sonhos e qualquer super poder que você possa ter?

Craban: Haha, que amável… Bem, além de passar o tempo com minha família, meus principais hobbies são ouvir e fazer música, passeios a cavalo, canoagem, natação, snowboard e todos os tipos de jogos (não apenas no computador). A maioria dos meus sonhos é e ficará em segredo, exceto talvez o de um dia dar ao Tibia algum som. Qualquer super poder de que eu possa vir a ter ainda está por ser descoberto. Espero que eu fique bem quando isso acontecer 😉

Portal Tibia: Como Tibia chegou a sua vida?

Craban: Na verdade, comecei a jogar quando eu ainda era um estudante. Mercutio e eu não temos certeza de quando foi, provavelmente em 1998 ou 99. Joguei por um tempo em três personagens mas nunca alcancei o level 20 então, por volta de 2001, parei. Em 2005, quando procurava emprego em Regensburg, mais ou menos me deparei com um trabalho na CipSoft como Customer Support do Tibia. Comecei a jogar novamente e, surpreendentemente, consegui o level 20 em duas semanas!

Portal Tibia: Há quanto tempo você trabalha na CipSoft?

Craban: Desde maio de 2005.

Portal Tibia: Do que você mais gosta no seu trabalho como Product Manager?

Craban: Inicialmente, o mais importante é que tenho prazer de trabalhar para um jogo que, pessoalmente, gosto muito. É realmente um luxo trabalhar em algo com o qual você se sinta pessoalmente gratificado. Acrescente a isso a ótima equipe, pessoas maravilhosas com as quais estou trabalhando e, por fim, que nenhum dia é igual ao dia anterior. É um trabalho que nunca fica chato!

Portal Tibia: Você é um jogador ativo? Se assim for, você pode nos dizer o seu level, vocação, cidade favorita e lugar de caça favorito?

Craban: Atualmente, devido à família e ao trabalho, não posso dizer que eu sou realmente um jogador ativo. Jogo ocasionalmente e encontro tempo para jogar alguns dias seguidos, então eu ainda me sinto apto a responder a estas perguntas. Meu level mais alto é 100+ (na verdade, não muito acima). Estou entre os top skills com dois personagens. Tenho várias vocações, mas a minha favorita é o druid. Passei pela maioria das cidades e vivi em cada uma delas por um tempo. Minhas favoritas são Yalahar, Liberty Bay e Port Hope. Realmente, não tenho um lugar de caça favorito, mas um que eu passei muito tempo foi Vengoth Castle.

Portal Tibia: Agora, esquecendo que você é o Product Manager, como jogador, qual funcionalidade nova você gostaria de ver implementada no Tibia?

Craban:  Um sistema de guildas extensivo e flexível, com alianças e algum tipo de comunidade impulsionada por um sistema de reputação das guildas. Isso, juntamente com um cliente totalmente diferente (eu adoraria ver o jogo em tela cheia) e com som!

Portal Tibia: Qual foi a coisa mais noob que você já fez?

Craban: Oh deus, por onde começar… Bem, eu já cai no óbvio truque de fast hands há alguns anos, e a última noobice que fiz foi me matar, estava no flash client, queria conversar mas estava no modo chat off, ai ao invés de conversar meu char começou a correr na multidão.

Portal Tibia: Você pode citar uma mudança no Tibia que não ocorreu como esperado e o que você aprendeu com o erro?

Craban: Bem, o exemplo mais proeminente foi o flash client. Os recursos são bons e seriam aceitos. Mas, no geral, a comunidade não aceitou esta tecnologia, e também subestimamos o quão diferente esse cliente seria em termos de desempenho. Em uma próxima tentativa para desenvolver um novo cliente, certamente iremos focar no desempenho e na estabilidade.

Craban rlpic

Portal Tibia: Há alguma mudança específica no Tibia que você se arrependeu?

Craban:  Muito difícil responder. Arrependimento não seria um bom termo. Ainda acredito que as mudanças que fizemos (e mantemos) tiveram mais lados positivos do que negativos. Agora, se você quiser que eu cite uma coisa que eu sinto falta pois desapareceu devido as mudanças, então eu diria que foi a venda de runas através de NPCs. Estou convencido de que a mudança tinha que ser feita para que as pessoas aproveitassem mais ativamente o jogo. Contudo, o que aconteceu foi a diminuição das intermináveis horas que se passava runando e conversando. Eu sinto falta disso, acho que devemos tentar recuperar isso, de alguma forma apoiar a interação com a comunidade.

Portal Tibia: Alguns jogadores fecham determinados servidores para que apenas os amigos e guildas joguem. No passado, isso era considerado comportamento destrutivo e uma punição era dada. Hoje em dia nada é feito a respeito. O que você pensa disso? A CipSoft está tentando acabar com este comportamento?

Craban: Punições de comportamento destrutivo sempre exigiram investigações profundas. As decisões sobre esta regra sempre foram feitas analisando-se caso a caso. Por sinal, a regra sobre “comportamento destrutivo” não foi removida. Assim, se os jogadores agirem de um modo que vá além do que possa ser considerado role playing. jogar o jogo ou assumir o poder no jogo e começar a, realmente, afetar pessoas reais e sua jogabilidade, então, ai sim, começaremos as investigações e em casos extremos também agiremos.

Portal Tibia: É sabido que no Tibia vários mundos sofrem de monopolização: uma pequena quantidade de jogadores impõe as suas próprias regras com abuso de poder. No passado, considerava-se comportamento destrutivo e uma punição era dada. Hoje em dia, nada é feito a respeito. O que você pensa disso?

Craban:  Basicamente, esse é apenas um cenário diferente para a situação anterior: Se as pessoas tentam afetar as pessoas, proibindo-as de jogar onde e quando elas preferem e isso é feito ao extremo, então, será algo destrutivo para a comunidade e para o jogo. Obviamente, nós não queremos isso.

Portal Tibia: O que a CipSoft acha dos jogadores fazerem suas próprias regras dentro do jogo?

Craban: Dentro do jogo, há algo que ocorre semelhante a um governo, que se desenvolveu em um mundo e agora define sua lei. Acredito que isso é algo interessante e de certa forma, uma coisa torna o Tiba especial. Mas, sem que tire das outras pessoas a possibilidade de jogar o jogo. Talvez, em determinadas circunstancias, leis adicionais feitas pelos jogadores possam ser úteis.

Portal Tibia: Qual é a real posição da CipSoft em relação a fusão dos servidores?

Craban: Nós queremos fazer isso. Achamos uma medida necessária porque não consideramos saudável  ter mundos onde tem tão poucas pessoas online que não chegam nem a se encontrar. Tibia é um MMO,  nós certamente queremos manter e melhorar esta sensação, colocar os jogadores em contato uns com os outros constantemente. Sempre preferimos servidores cheios, como nos preview game worlds, do que os vazios.

Portal Tibia: Você acha que no futuro, todos os jogadores irão preferir o flash ao o C++?

Craban: Não. Nós chegamos a um consenso em relação ao flash client. Para os novos jogadores ele apresenta vantagens por oferecer maior agilidade, mas, simplesmente, ele não supera os “Pros”.

Portal Tibia: Em uma entrevista feita em 2012, você considerou a possibilidade de reescrever o cliente em C++ desde o começo. Você ainda pensa em fazê-lo? Você poderia nos contar mais sobre isso e o que você espera?

Craban: Estamos começando a trabalhar em um novo cliente, no qual queremos focar nas lições aprendidas com o flash. Ainda é muito cedo para dar detalhes. O plano é fazer um cliente que substitua perfeitamente os dois mais antigos. Para isso, ele tem que ter um desempenho tão alto quanto o do cliente C++, além de funcionar e fornecer um modo de operacionalização que se pareça com ele. Além disso, esperamos que possibilite um modo alternativo onde possamos fornecer todas as boas ferramentas do flash e uma interface mais agradável para o usuário.

Portal Tibia: No começo, o novo Sistema de PvP recebeu muitas críticas, como esse feedback interferiu nos planos? 

Craban: Na verdade, o feedback não interferiu. Sabíamos que esse update isolado, não ajudaria com os feedbacks negativos sobre o PvP. Também imaginamos que algumas dessas mudanças, especialmente aquela que agora impossibilita a realização de artimanhas para marcar outros jogadores com uma caveira, não seriam aceitas se as deixássemos como estavam. Sim, tivemos que parar os abusos, mas haviam razões para as pessoas usarem estes truques, ou seja, em algumas situações, estas artimanhas nos ajudaram a identificar outros pontos fracos do antigo sistema PvP para serem analisados.

Uma real melhoria para os jogadores só pode ser feita se esses pontos fracos forem descobertos. O plano era continuar o sistema, depois trabalhar em cima do sistema injusto, e, então, abordar o sistema de guerras. O que interferiu foram os tópicos adicionais, ou seja, os ataques DDos, que basicamente nos impediram de prosseguir com o projeto do PvP. É também por isso que o feedback negativo prevalece. Deveríamos ter sido mais rápidos com a análise de cada etapa.

A única forma que um feedback, de fato, “interferir” é ele sendo um feedback positivo. Especialmente se é descritivo e construtivo, ele nos ajuda a ver melhor quais são os reais problemas, abusos e a encontrar soluções para melhora-los. Por exemplo, quando os jogadores reclamavam que certas armadilhas de skull não podiam mais ser feitas, isolada esta informação não ajuda. Contudo, aqueles que descreveram de forma mais especifica as situações e a forma como as armadilhas eram realizadas, nos deram mais detalhes sobre o verdadeiro problema que eles estavam enfrentando com esta prática.

Portal Tibia: Você afirmou que tem mais projetos sobre o PvP, como está o progresso desses projetos e quando nós veremos mudanças?

Craban: Estamos nos estágios finais de um projeto desenvolvido para abordar o sistema de mortes injustificadas.  Espero que possamos começar a trabalhar nele nas próximas semanas. Depois disso, o plano é trabalhar no sistema de guerra e uma motivação geral para o PvP, o que significa recompensa. Várias ideias ainda vem do antigo PvP focus group e que ainda está muito ativo. Finalmente, queremos trabalhar nelas.

Greetings Portal Tibia (1)

Portal Tibia: Qual a sua opinião sobre o balanceamento das vocações? Nós podemos espera-lo em um futuro próximo? O que você pode antecipar para os nossos leitores?

Craban:  Nesta questão, também tivemos vários obstáculos e problemas que retardou os projetos mais do que esperávamos. Este tema ainda está muito atual. Queremos montar um conceito completo, planeja-lo no decorrer deste ano e esperamos de trabalhá-lo ano que vem, quando estivermos satisfeitos com as mudanças do PvP. Então, após o PvP , este será nosso foco principal, talvez em 2015. Provavelmente, a base para este projeto serão as ideias genais e direcionamentos já apresentados há algum tempo, mas, queremos analisar tudo com novos olhos e mente aberta. Assim, nesse momento, não posso dar nenhuma dica do que esperar.

Portal Tibia: Os jogadores que não conseguiram pegar os outfits e montarias promocionais devem esperar uma segunda chance para tê-los?

Craban: Eu nunca diria nunca, mas o que falamos ainda está de pé: as ofertas eram únicas e, no momento, não há planos para disponibilizá-los em uma nova ocasião.

Portal Tibia: No Tibia ME há uma espécie de loja onde os jogadores compram montarias, outfits, acesso as ilhas, vouchers de experiência em dobro… Nós poderemos esperar alguma coisa desse tipo no Tibia?

Craban:  Estamos estudando idéias como esta, então sim, isso pode muito bem acontecer. Podemos expandir nossas ofertas e colocar coisas que os jogadores comprariam em uma loja. No entanto, é muito importante que os jogadores do Tibia tenham a garantia de que estarão aptos a competir uns com os outros independente da situação financeira na vida real. Por isso, é muito improvável que criemos coisas para serem compradas como: vouchers de experiência em dobro, armas ou qualquer outro meio que torne seu personagem mais forte ou melhor do que outro jogador que não quiser pagar para ter o benefício.

Portal Tibia: Você acredita que, no futuro, o Tibia possa ter um sistema similar ao do WoW e Eve, mencionado por você, para atenuar os ataques DDoS?

Craban: Na verdade, com a Prolexic nós temos o mesmo sistema que eles tem. O que faz a situação ser diferente não é o sistema de atenuação utilizado, mas a maneira como o jogo funciona. Tibia é muito dependente de uma boa latência e é muito sensível as mudanças da qualidade de conexão. Por outro lado, isso é o que faz o Tibia ser o que é. Eu costumo chamar o Tibia de “o shooter dos MMORPs” porque as batalhas são muito rápidas, em apenas alguns segundos de ataque o impacto sobre o Tibia é muito maior do que seriam em outros MMOs. Por isso, teremos que procurar caminhos adicionais para ajudar a combater os ataques DDoS, mesmo usando a Prolexic.

Portal Tibia: Em 2010 você falou que a baixa resolução do jogo é um dos grandes desafios gráficos, com o andar suave recentemente implantado, podemos considerar que esse  problema foi resolvido?

Craban: Decidimos que havia uma chance potencial de melhorar a impressão gráfica do Tibia através da mudança das animações (as quais o caminhar é só um tipo) sem aumentar a resolução.

Aliado a isso, nos últimos anos, percebemos que a velha escola das artes visuais, pixels, tende a se tronar novamente popular. No Tibia, este é um elemento que claramente faz a diferença em relação a maioria dos outros MMOs. Então, no momento, pensamos mais nas melhorias da interface de usuário no cliente do que modificar os gráficos do jogo.

Portal Tibia:  Você pareceu muito motivado quando voltou do GDC. Você pode nos contar um pouco sobre o evento? Você teve novas ideias?

Craban: Nas questões anteriores, em muitas das respostas eu já mencionei ideias e planos.

Algumas delas têm sido influenciada por experiências na GDC, outras foram vindas de encontros que eu tive com os parceiros potenciais que podem nos apoiar em tópicos já planejados.

Entrar em contato com outros desenvolvedores de jogos e com outras pessoas que trabalham nesta área é muito inspirador, é uma boa forma de checar, por nosso ponto de vista,  nossa realidade em relação ao que está acontecendo atualmente no universo dos jogos. Por tanto, cada conferência nos dá uma boa dose de motivação.

Portal Tibia: Os jogadores parecem ter realmente gostado da iniciativa do blog e do Twitter. Há algum plano para ter uma continuação ou isso foi um caso especial por causa dos ataques DDoS?

Craban: A decisão em fazer isso foi definitivamente um caso especial. No entanto, como foi recebida de forma muito positiva, tirando certas circunstancias em especial, pretendo continuar com o Twitter por um tempo. Enquanto isso, veremos a viabilidade de maneiras melhores para melhorar nossa comunicação com os jogadores.

Sinceramente, o período que passei com as postagens no Twitter e a presença nos fóruns, como vocês acompanharam, foi muito cansativo. Não tenho como manter este nível de comunicação o tempo todo. Atualmente já estou menos ativo no Twitter e fechei o blog, mas eu vou tentar compartilhar notícias ou ideias pelo Twitter porque eu acho que esse contato próximo com uma parte da comunidade foi e é muito valioso.

Portal Tibia: Você comentou no twitter sobre projetos contra os cheaters. Você pode nos dizer o que esperar no futuro?

Craban:  Nada além do que já twitei. Temos um acordo com um parceiro externo que nos fornece um sistema para ajudar na batalha contra os cheaters. Estamos começando a trabalhar na integração do sistema. Isto vai demorar um pouco antes que possamos começar os testes, e, quando estiver funcionando, iremos ver pela primeira vez , se esse sistema realmente funciona com o Tibia. Antes disso, eu não posso fazer nenhuma promessa.

Portal Tibia: Qual é a coisa mais difícil em prevenir/monitorar a ação dos cheaters?

Craban: Geralmente, prevenir cheating no Tibia significa prevenir pessoas de fazer o que o jogo na verdade quer que a pessoa faça por ela mesma. Nosso maior problema de cheater são os botters, o que significa que esta pessoa faz o que as outras estão fazendo, só que por um tempo prolongado. Na verdade o cheat verdadeiro seria realizar coisas que seriam impossíveis para um jogador real, com o client original, fazer. Um exemplo seria alguém capaz de jogar 2 SDs em dois segundos em vez de apenas uma. Isso seria o cheat. Temos como controlar este tipo de prática em um jogo online pois somos nós que definimos as permissões. Já o botting tem que ser detectado ao invés de evitados.

Portal Tibia: Porque os Premium Scrolls foram introduzidos ao jogo? Qual foi o principal problema que ele foi projetado para resolver?

Craban: A ideia principal foi de possibilitar uma forma segura de um jogador negociar com o outro. Por anos, havia esta prática em nossa comunidade, alguém compra a premium para outra pessoa e em troca recebia golds. Basicamente, o fato desse comercio ser realizado por muito tempo, claramente nos mostrou que os jogadores desejavam que houvesse esta possibilidade. No entanto, a maneira que costumava ocorrer não era segura, ao menos para um dos lados, pois alguém tinha que dar antes da outra parte. Procuramos oferecer uma forma totalmente segura de fazer isto.

Portal Tibia: Existe algum plano de traduzir os conteúdos para o Português Brasileiro e para outros idiomas?

Craban:  Nós já temos pensado sobre isso. É interessante, mas seria um grande projeto e, pelo menos por agora, nós temos projetos mais importantes para trabalhar.

Portal Tibia: Obrigado, Florian, por compartilhar conosco seu tempo. Qual mensagem você gostaria de deixar para os leitores do Portal Tibia e para todos os jogadores brasileiros?

Craban: Obrigado a todos por estarem juntos conosco e fazer a comunidade do Tibia tão maravilhosa. Especialmente agora, depois da visita ao Brasil, posso acrescentar que nós amamos vocês e seu país! Espero que possamos fazer de 2014 um ótimo ano para vocês.

  • author image
    fev 12, 2014 @ 8:50 am

    Por favor, coloquem no topo da entrevista em inglês a informação: “Para ler a versão em português, clique aqui”.
    Obrigado =)

  • author image
    RCRJ
    fev 12, 2014 @ 9:07 am

    Basicamente ele disse que o jogo em português não teremos.
    O pessoal devia olhar mais para o Brasil, a importância da tradução para o nosso idioma é grande,
    pois é muito mais fácil ler um Spoil e fazer uma quest, do que ler o que o Npc diz e traduzir para assim saber o que fazer. Embora muitas pessoas falam inglês, acredito que a maioria não fala. Ai entra em questão por que as quests se tornaram tão rápidas e os mistérios do jogo não serem tão explorados.
    Essa é minha opinião, não venham me insultar, apenas postem as suas opiniões!

    • author image
      Kiveron
      fev 12, 2014 @ 11:29 am

      Concordo com vc meu caro.

      Uma forma de introduzir o roleplay para o pessoal que pensa apenas em PowerGaming seria inserir a tradução para o Portugues no Tibia.

      Creio que as pessoas iriam para para ler o que o NPC esta dizendo,, e entender um pouco da história de algumas quests, etc.

  • author image
    Rawiin
    fev 12, 2014 @ 11:42 am

    Vou dar minhas opiniões (que para alguns vão ser opiniões de gente chata mesmo). Eu não queria ver som no Tibia, não combina, eu preferia que o jogo não mudasse drasticamente, apenas que fossem corrigidos problemas, e não que fiquem facilitando cada vez mais o jogo, e torne o Tibia um jogo casual e instantâneo, como a maioria dos outros, a particularidade do Tibia tem que prevalecer. Comprar items ou acessos dentro do jogo com dinheiro real nem precisa comentar, a premium já é bastante. O jogo em português sinceramente ficaria ridículo para nós, talvez as falas dos npcs ficariam interessantes, mas facilitariam demais o jogo, e é interessante aprender uma nova língua, mas os nomes das coisas iriam ficar péssimos para nós, sem graça. Eu acho que o auge do jogo já passou, mas ainda há tempo para se resgatar muita coisa, mas para isso eles precisam parar de penas em mudanças desnecessárias toda hora, porque cada mudança errada, gera mais mudanças consequentes, e vai piorando cada vez mais. Sei que não da para sentir de novo o que eu senti quando comecei a jogar, mas muita coisas podemos ter novamente.

    • author image
      felipe
      fev 12, 2014 @ 12:28 pm

      facilitaria de mais o jogo deixando ele em português?
      O que traduzir uma fala por não entender perfeitamente o inglês, ou procurar um spoil na wiki tem haver com role play? O que tem haver com facilitar o jogo?
      O jogo tem que ser dificil em termos de role play e não em termos de não conseguir seguir uma quest, pelo jogo estar em outra lingua

  • author image
    Ridan
    fev 12, 2014 @ 11:43 am

    Bla bla bla mas nada pra acabar com os bots -.-

  • author image
    Marcos
    fev 12, 2014 @ 12:51 pm

    Como assim , Cliente Flash não foi aceito pela comunidade , apesar ser uns dos poucos , acredito Cliente flash tem potencial ,desde foi implantado estou jogando nele , não vejo problema nele. Problema tibia virou uma fabrica pra se ganhar dinheiro na rl , venda de acc e golds , com isto , muitos estão usando cliente c++para se beneficiar , através de programas ilegais , checou mais que na hora de acabar cliente c++, Pq não se faz um pesquisa de satisfação pessoal joga no cliente flash? esta é minha opinião

    • author image
      André
      fev 13, 2014 @ 6:11 am

      Você respondeu sua questão com “apesar de ser um dos POUCOS” .

    • author image
      ninagamer
      fev 13, 2014 @ 15:47 pm

      flash client s2

  • author image
    que zicadao
    fev 12, 2014 @ 16:58 pm

    Cipsoft lixosa eles deletam jogadores manuais e vem com essa ladainha ae cade que realmente botters etstao sendo deletados?ok mata ruindo era bot e os outro tb mas e o resto????? e quanto aos inocentes???

    Poxa vida pelo q eu intendi ali basta eu jogar 20h num dia por exemplo para eu ser deletado mesmo q eu jogue manualmente omg!!!

  • author image
    Diego Mackedanz Duarte
    fev 12, 2014 @ 18:19 pm

    Estranhei o problema com o client flash, mas me abstenho de comentários porque realmente não sei dos problemas de estabilidade que ele tem, aqui por exemplo tinha apenas 2, e um foi solucionado. No caso, o solucionado era o flash dar crash, mas é só desativar o pepper flash no chrome. O outro é o meu fps estar bem baixo ultimamente, e a unica explicação é eu ter trocado o monitor por um consideravelmente maior (de 14″ para 22″).

    Quantos aos bots, sério que alguém pensou que ele iria falar sobre um projeto desse porte? Pfff.

    Acho que o unico erro é deixar bem claro que a prioridade deles são mudanças no PvP, enquanto ddos, instabilidade de servidores e bots são problemas maiores.

  • author image
    Raphael
    fev 12, 2014 @ 21:04 pm

    Na boa modificaram muito o tibia por isso servidores vazios acho q o tiro saiu pela culatra.. a cip banir as guild dominante pra tenta lota o servidor pelo jeito so perderam players agora o ultimo jeito e uni os servidores para da menos gasto a empresa

  • author image
    fev 15, 2014 @ 9:21 am

    queria saber a respeito de termos servidores n brasil e possivel termos e quando teremos?

Tv Epaminondas

Patrocínio

Últimas Notícias

Curta a nossa página!