Teaser I – Winter Update 2020

Haoupa, Tibianos!! Saiu teaser fresquinho do Winter Update 2020. Confira abaixo:

A Mentira

Já estava escuro quando Redwin entrou no Jolly Seahorse. Lyonel trabalhava no bar como sempre e Bradford cantava sem sucesso tentando afogar a conversa dos visitantes da taverna. O jovem marinheiro pediu uma cerveja – alguns barris haviam chegado ao estabelecimento para variar – e procurou aproveitar sua bebida de maneira relativamente quieta. Concentrando-se na espuma, gentimente balançando na superfície, ele se sentou. 

“Aí, garoto! Deixa eu te falar uma coisa, firmô?”

Um velho marinheiro surgiu aparentemente do danda e se sentou do outro lado da mesa. 

“O que – Desculpe, eu te conheço?”, perguntou Redwin, confuso.

“Acho que não nos conhecemos, sou Merton. Estive viajando em alto mar desde que era um garotinho, e tenho muitas uma história pra contar.”

“Com certeza tem, mas eu prefiro aproveitar minha bebida sozinho se você não se importa, foi um longo dia e…”

“Ah, espere aí, rapaz. Esto é importante. Deixa eu te contar sobre algo que é muito importante para o bem estar de nossas cidades e litorais.”

Os olhos de Redwin percorreram a sala, para ver se alguém poderia ajudá-lo a sair desta triste situação. Não encontrou nenhuma ajuda, ele se conformou com sua situação e aceitou o seu destino. Soltou um grandes suspiro e seus olhos adentraram as profundezas de sua caneca de cerveja. A espuma branca agora era apenas uma lembrança distante e seu desaparecimento revelou o líquido escuro abaixo dela. 

“É a coisa mais maldita, eu te digo, meu jovem. Sabe, existem estes Pirratos.”

Ele parou por um momento. 

“E…?”, Redwin finalmente indagou, exclusivamente como um tipo de cortesia, em vez de verdadeiro interesse. 

Pirratos. Você não acha isso ao menos intrigante?”

“Não muito, não é a primeira vez que ouço um conto de marinheiro.”


“Não, você não entendeu, rapaz. São pi – ratos!”

“Ah, é, tá, piratas, eu entendi. Povo sem honra que vaga pelos oceanos. Estou familiarizado com o conceito.”

“Não, são ratos! Pi-ratos!”

“Ah. Sim, é claro. Com certeza são.” Foi preciso toda a determinação de Redwin para que ele não revirasse os olhos. “Bem, foi muito bom conversar com você, mas eu realmente preciso ir, acho que eu deixei o forno ligado e minha casa provavelmente está pegando fogo agora mesmo, sentão é melhor eu ir dar uma ohada -“

“Já chega de tagarelar! Eu já te disse, isto é importante!”

“Mais importante do que não queimar Liberty Bay…?”

“Estes pirratos são uma ameaça a todos nós! Eles pilham e matam, eles invadem nossas costas, eles -“

“Eu já entendi, eles precisam ser parados.”

“Exatamente! Então, viage para Venore e, uma vez lá, converse com Eustacio. Ele te dará os detalhes.”

“Desculpe, como é? Não, eu não quis dizer parados por mim. Eu não quero ter nada a ver com isso.”

O velho marinheiro olhou para si mesmo com uma expressão vazia antes de explodir:

“Maldito seja! Que Sula te derrube, Redwin! ARRR!”

O jovem marinheiro, confuso e atordoado pelo súbito acesso de raiva, suspirou. 

“Siga seu caminho então; se eu alguma vez acabar em Venore, eu procurarei

este Pistachio, acredite, eu vou, não duvide disso.”, ele respondeu afinal, cansado, antes de sair de seu assento, deixando sua cerveja praticamente intocada. 

“Sou grato por ter encontrado você, meu jovem! Eu direi a Eustacio sobre sua chegada! Você precisa encontrar os pirratos!”, Merton gritou atrás dele. 

Redwin enrolou e apertou sua capa em torno de si mesmo antes de encarar a noite tempestuosa e sem estrelas, enquanto se movia pelas ruas pavimentadas de Liberty Bay. A única coisa que ele tinha certeza que precisava fazer era evitar o Jolly Seahorse por um tempo, enquanto ele reparava que Merton sabia seu nome, apesar de ele não mencioná-lo se quer uma vez. 

pirats3.png
pirats2.png

Tv Epaminondas

Patrocínio

Últimas Notícias

Curta a nossa página!